Mineradora doa mais 7 mil testes rápidos de coronavírus para a Prefeitura de Catalão

Kits foram testados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e permitem diagnóstico em até 10 minutos.

No início da manhã desta sexta-feira (19), a CMOC Internacional Brasil por meio do Rotary Clube Solidariedade, fez a doação de mais 7 mil testes rápidos de diagnóstico do novo coronavírus para a Prefeitura de Catalão. Os kits foram testados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e permitem diagnóstico em até 10 minutos.

No total 20 mil testes deverão ser doados pelo clube social e mineradora. A entrega está sendo gradativa. Os kits custaram R$ 1,8 milhão e estão disponíveis para testagem na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Catalão.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Velomar Rios, os testes são realizados por meio de coleta sanguínea e não serão utilizados em pacientes que estiverem nos primeiros momentos de sintomas da Covid-19. Eles só serão aplicados a partir do 8º dia de manifestações da doença. Esse tempo, segundo ele, é necessário para que haja uma eficácia de aproximadamente 100% nos testes. Antes disso, os pacientes serão monitorados em isolamento, conforme determinação da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Com mais essa entrega realizada hoje, o município já recebeu como doação da CMOC e Rotary Catalão, 17 mil testes rápidos. O Gerente de Relações Governamentais da mineradora, Henrique Alonso Anadan; Erley Mesquita, Presidente do Rotary Clube Solidariedade e Clésio Windson da Cunha, Governador Assistente do Rotary estiveram presentes desta vez oficializando o ato.

A Prefeitura de Catalão em nome de todos os moradores agradece à parceria e solidariedade de tão nobres e importantes instituições. O gesto demonstra preocupação e responsabilidade social com a vida e a saúde da comunidade.

ASCOM – Prefeitura de Catalão.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *