Saúde alerta sobre câncer de boca

No Maio Vermelho, mês de conscientização sobre a doença, materiais educativos são distribuídos aos municípios; tratamento está disponível no SUS

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria da Saúde (SES), alerta para os riscos do câncer de boca, que causou a morte de 224 pessoas no estado em 2023. A preocupação ganha destaque neste mês, com a campanha de prevenção Maio Vermelho, pois trata-se do quinto tipo de câncer com maior incidência entre a população – são 4,6% dos casos registrados e índice de óbitos de 3%.

Com o objetivo de conscientizar sobre a doença, a Superintendência de Políticas de Atenção Integral à Saúde (Spais) vai distribuir materiais informativos digitais, como cards e banners eletrônicos, aos municípios, por meio das suas 18 regionais. Está prevista também a realização de ‘live’ para impulsionar as discussões sobre o tema entre profissionais. A orientação é para que as pessoas façam visitas periódicas ao cirurgião dentista, o que favorece a identificação de lesões suspeitas e o diagnóstico precoce. O serviço é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“Oitenta por centos dos casos desse tipo de câncer têm cura, se diagnosticados no início e tratados da maneira adequada”, afirma a coordenadora de Saúde Bucal Especializada da SES, Maria de Fátima Nunes de Oliveira. “O tratamento geralmente envolve cirurgia oncológica e/ou radioterapia. A avaliação é feita caso a caso”, acrescenta a coordenadora.

Entre as principais causas do câncer de boca e de parte dos tumores de orofaringe estão o tabagismo e o consumo excessivo de álcool, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca). Obesidade e baixo consumo de frutas e legumes também estão associados ao risco aumentado, conforme estudo do American Institute For Cancer Research.

Outro importante fator de risco para o câncer de lábio, é a exposição solar prolongada sem proteção. Ainda, parte dos casos tumores de orofaringe está relacionada à infecção pelo HPV. “Essas informações estarão dispostas nos materiais gráficos, mostrando que as principais causas dessas doenças são hábitos que podem ser evitados ou modificados”, afirma o coordenador da Oncologia do Estado, Kleber Junior Rodrigues Monteiro.

Sintomas
Entre os principais sintomas desses tipos de câncer, podem ser observadas lesões na cavidade oral ou nos lábios que não cicatrizam por mais de 15 dias; manchas/placas vermelhas ou esbranquiçadas na língua, gengivas, palato (céu da boca) e bochecha; nódulos (caroços) no pescoço e rouquidão persistente. Nos casos mais avançados, podem ocorrer ainda dificuldade de mastigação e de engolir, dificuldade na fala, sensação de que há algo preso na garganta.

Foto: SES

Legenda: Visitas regulares ao dentista ajudam na prevenção e tratamento precoce do câncer de boca

Secretaria da Saúde – Governo de Goiás

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Contato!